http://04021c3560d0c90306.comunidade.uolk.uol.com.br/2008_03/topic2008_03-12_15_39_50-3929349.html



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, Mulher, de 26 a 35 anos, Portuguese, Arte e cultura, Gastronomia



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Louvre
 Metropolitan Museum of Art (New York)
 Opéra National de Paris
 Château de Versailles
 Bienvenue à Montmartre
 Arena di Verona
 Catedral de Notre Dame
 Louve Passion
 Tick Tack - podcast de tecnologia


 
Blog da Fran - A vida pelos meus olhos


Tempo...

SAUDADES

 

Quanto tempo! Que saudades do tempo que eu "blogava". Boa parte da paralisação dos meus posts se deve ao UOL, que fez o favor de proibir a publicação de fotos.

 

Estou aqui lembrando dos meus tempos introspectivos - mas nem tanto - porque escrever aqui é ter suas opiniões abertas ao mundo. Qualquer um, a qualquer hora, de qualquer lugar, pode cair acidentalmente neste endereço.

 

De qualquer forma, mesmo que ninguém leia, era gostoso eu colocar meus sonhos, desejos, pensamentos, revoltas em um repositório... Um repositório bem intimista, diga-se de passagem.

 

Será que o UOL vai continuar a limitar meu espaço aqui por falta de gigabytes? Tomara que não, por que deu saudades de voltar a escrever...



Escrito por Françoise Terzian às 23h32
[] [envie esta mensagem] []



EM SÃO PAULO

DINNER IN THE SKY - JANTAR NAS ALTURAS

Depois de passar por 30 países, a atração chegou ao Jockey Club de São Paulo. Definitivamente, jantar do alto de 50 metros de altura, com os pés suspensos, é uma experiência única.

 



Escrito por Françoise Terzian às 18h03
[] [envie esta mensagem] []



CARNAVAL 2O1O

ORLANDO: A ETERNA TERRA DO FAZ DE CONTA

Na Universal Studios ao lado do Pica Pau animadão

A caminho do parque...

Muitas lojas e restaurantes no caminho

 

Gostei do Hard Rock Cafe, que lembra o Coliseu

Entrada da Universal

SpongeBob na cabeça!

E não é que o Bob Esponja tem a mão macia?

O lugar mais divertido da Universal, a Krustyland. The Simpsoooooooooons...

As maçãs do amor americanas. Gigantes, apetitosas, coloridas e.... calóricas!

Cidade cenográfica da Universal. Bem bacana

Esta parte da cidade remete às antigas lanchonetes americanas. Dá vontade de fazer o pedido

O Donkey (burro) não parou de falar besteiras enquanto eu fazia fotos com o Shrek.

Entrada do restaurante The Crab House

A casa serve muito caranguejo, lagosta, camarão, salmão e pratos da culinária cajun - da Louisiana

Os peixes na lousa-cardápio

 

O garçom mostrando o caranguejo da casa. Olha só o tamanho da patinha. Suculenta, não?

 

 Pedi um salmão grelhado com aspargos (gigantes!) e arroz com caranguejo (delicioso)

Mas no dia seguinte comi este prato com 3 tipos diferentes de camarão. O macarrão cabelo de anjo é um hit na Flórida. Quase todos os restaurantes o utilizam como base de alguns pratos

Para os viciados em camarão, Orlando é o lugar. E deixe de lado o burger com fritas.

Jornalistas brasileiros apreciando a culinária local.

Poderia ter comido este lindo bolo de cenoura para fechar, mas não sobrou espaço. O bacana da confeitaria americana é o tamanho da fatia, enorme.



Escrito por Françoise Terzian às 02h07
[] [envie esta mensagem] []



FIM DE ANO

FELIZ NATAL!

Muita benção a todos! Até 2010! 



Escrito por Françoise Terzian às 23h32
[] [envie esta mensagem] []



ESTADOS UNIDOS/DEZEMBRO

CHICAGO ZERO GRAU

A terceira maior cidade americana surpreende pela quantidade enorme de prédios modernos, pela conservação das construções antigas e também pela limpeza das ruas. Chicago é uma espécie de Nova York mellhorada, organizada e limpa, com a vantagem de que há pizzarias e rotisseries italianas, o que dá mais sabor à culinária local, e uma escultura ou instalação de rua a cada dois quarteirões. Um lugar adorável para visitar mesmo durante o inverno.

Prédio espelhado

Esta sobreposição de prédios é sensacional, não?

 

A sede do Chicago Tribune, o principal jornal do estado de Illinois

 

Descendo as escadas há o acesso ao "riverwalk". Pena que o frio me impediu de fazer o passeio

Cold, very cold

Arte na rua

Sob outro ângulo

 

Um dos prédios mais famosos de Chicago, Water Tower Place

 

 

Domingo logo cedo e as pessoas já começam a bater perna. Destino: as muitas lojas da Michigan Avenue, todas lotadas pré-Natal

E o sol começa a invadir o espaço da sombra e do frio

Limos, presença constante na ruas de Chicago

Um exemplo de casa antiga muito bem restaurada

E toda decorada para o Natal. Sensacional

O inverno também tem sua beleza

Vista do meu quarto de hotel, às 7h30 da matina

 

 

Civilização moderna

Pista de patinação no gelo

Giordano´s, a mais famosa pizzaria de Chicago e suas pizzas enormes e com muito recheio

O famoso feijão-arte! Lindo, mas sem tripé ficou difícil fazer uma foto com boa definição

 

Modelo viva na vitrine da loja de lingerie. Ainda bem que ela se encontra do lado de dentro. Com este frio... Se bem que não faltariam candidatos para aquecê-la, dado o número de homens na frente da loja

Outra arte no meio da rua

E ele pedindo um táxi pra mim. Riso

Uma das lindas vitrines da Macy´s, toda decorada para o Natal

Outra vitrine da Macy´s

Mais uma vitrine da Macy´s

E na terra do consumo, tem até xícara e bule para o período de Natal. Uma graça, não?

Mesa de decoração de Natal comestível, feita toda de bolacha, bala, pirulito, gelatina, chocolate, marshmallow, marzipan, pretzel, cereais doces, entre outras guloseimas

É de deixar com água na boca as crianças de 1 a 100 anos. Uhmmm

Cheiro maravilhoso. Tive que me conter para fotografar sem atacar. Riso

HOHOHO. Assim Papai Noel fica feliz!

As guloseimas são o tijolo e a argamassa dessas doces casas

Telhado de marshmallow

M&M e gelatinas enfeitando a parede da casa de bolacha

Enfeites de Natal

 

Jornalistas indianos e eu

Construção do início do século 20, mas totalmente preservada

 

Bolos tipicamente americanos, como o de abóbora e de cenoura



Escrito por Françoise Terzian às 16h43
[] [envie esta mensagem] []



FÉRIAS - ÚLTIMA PARADA

ROMA MAGNÍFICA!

E como diz a música da Morcheeba, Rome wasn´t built in a day...

Cidade inesquecível

Foram 8 dias passando por aí. Que saudades

Bela basílica

Uma das portas da basílica

Quase igual à Praça da República de SP. riso

Bela rotatória

Feliz com a bella Itália

A Piazza é bonita de qualquer ângulo

Mangia che te fa bene!

Bela construção... Uma das muitas de Roma

Ladeira romana

Esse carro antigo nas ruas de Roma nos leva ao passado

Eis o Coliseu!

 

Quase chegando lá e empolgada com a paisagem

 

Esqueci o nome do artista, mas não é o colombiano Fernando Botero! Engana todo mundo 

Por dentro do Coliseu. Isso que eu chamo de obra de engenharia

 

Fantástico!

Um repouso depois de tanto caminhar.

 

Os divertidos atores

 

Senhor italiano bravo: queria 4 euros pela foto!

Roma antiga- ou o que sobrou dela - é esplendorosa

Legenda na foto

 

 O templo. Pena que não pode entrar

 

Ladeira e escada. Sobe-se muito em Roma

  

Mais degraus

 

Lindo!

  

Na Villa Borghese, um parque lindo com uma vista esplendorosa de Roma

E eis que surge a Fontana di Trevi

Eu estive lá - e mais 100 milhões de turistas

A caminho da Fontana... Muitos japoneses fizeram o mesmo

 

Piazza di Spagna, um dos points de Roma

 

 

Seios firmes!

 

Eu programando a câmera para dar o clique...

 

Uma infinidade de balas italianas

 

Bolachinhas italianas

 

Adoro o cheiro de baunilha dos doces italianos

 

Pizza italiana é inesquecível

 

Sanduíche de pizza. Só na Itália e delicioso.

 

 

Arborizada e classuda. Assim é a Via Veneto

 

Piazza Navona, a mais famosa praça de Roma e endereço da bela embaixada brasileira

Boca da verdade - La boca della veritá. Como eu só digo a verdade a boca não mordeu meu dedo



Escrito por Françoise Terzian às 23h43
[] [envie esta mensagem] []



FÉRIAS

CIDADE DO VATICANO - ITÁLIA

Um lugar cheio de arte, beleza e bençãos

De tirar o fôlego!

O topo da Basílica de São Pedro

Quem tem boca vai à Basílica de São Pedro

Um olhar para o alto

Um lugar cheio de fé

Fui duas vezes seguidas. Quero voltar!

A guarda suíça e sua roupa sensacional

É da janela entreaberta que sai o Papa, mas desta vez não tive sorte

O jeito foi vê-lo pelo telão. Nesse domingo ele estava em Castel Gandolfo e eu em Roma. Uma pena sem tamanho.

Pietá, obra mais famosa de Michelangelo, dentro da Basílica

No subsolo, as tumbas dos Papas. Arrepiante!

Na entrada do sensacional Museu do Vaticano

Lindo jardim!

E o mármore ganha forma

Deslumbrante! Que obra sensacional, cheia de riquezas

Eu e a esfinge!

Isso que eu chamo de teto

Registrei o teto-arte para rever sempre

E eis que passeando pelo Museu do Vaticano me deparo com um Rodin! Não imaginei que o Pensador ficava ali.

Gostei desta pintura. Homem moderno crucificado

As deslumbrantes escadas em caracol na saída do Museu do Vaticano. Saída em grande estilo!



Escrito por Françoise Terzian às 01h27
[] [envie esta mensagem] []



ITÁLIA

PARTE 5: CASTEL GANDOLFO/REGIÃO DO LAZIO

A felicidade é azul turquesa

Ela pertence à província de Roma e fica a 35 minutos de trem da capital da Itália. A inesquecível cidade do lago azul turquesa (chamado Albano) é também o refúgio dos papas há séculos. É lá que fica a residência de verão de Bento XVI. Ao descer da estação de trem, é preciso subir por um caminho florido rumo ao topo colina, onde fica a cidadezinha. A cada degrau vencido a vista fica ainda mais bonita e compensa todo esforço dedicado. É um presente de Deus. Para mim, a experiência foi ainda mais bela, uma vez que minha bisavó materna Leopoldina nasceu em Castel Gandolfo.

 

A chegada à estação de trem

A primeira imagem ao sair da estação

Eis que surge o lago Albano, que nasceu a partir da formação de duas crateras

A trilha que leva à cidade, no alto da colina

Coisa mais linda

Sem palavras

Feliz ao pisar na terra da minha bisavó materna

Sol ilumina a beleza local

Restaurante fofo com vista para o lago

A cúpula da residência do Papa

Residência de verão do Papa

A guarda suiça

Pintura de João Paulo II, na igreja da cidade

Praça central

Do outro lado da praça

Sim, é vero que a Itália é linda!

Caminhada inesquecível pelo passado dos meus

Quero morar aí

Logo mais, PASTA!

Degustação de vinhos

Na hora de ir embora, a foto cartão-postal

 

 

 



Escrito por Françoise Terzian às 19h54
[] [envie esta mensagem] []



ITÁLIA

PARTE 4: LUCCA/TOSCANA

Cidade Medieval Murada

Entrada da pequena e graciosa Lucca

Única foto que não fiz, uma vez que é aérea. Extrai a imagem de outro lugar para mostrar a arquitetura de Lucca

Vista do topo da cidade, após subir centenas de degraus. O esforço compensa

Feliz com o presente que é esta vista. E que vento delicioso...

Lucca de cima: cidade mais rosada que Paris

A famosa Torre do Relógio

A caminho da Piazza Anfiteatro

Eu na Piazza

Pinóquio: presente em todos os cantos da Toscana. Dizem os italianos que ele afasta o olho gordo e também os fofoqueiros

Obra religiosa

Sob outro ângulo

Muita emoção ao pisar na cidade do meu compositor de ópera predileto, o italiano Giacomo Puccini

No ano passado, a cidade comemorou os 150 anos de nascimento do Puccini

Sensacional: sorveteria com nome de sua última ópera - Turandot, a minha predileta

Carros minúsculos em Lucca e por toda a Toscana

Lindas quinquilharias locais

Segundos antes de adentrar os muros de Lucca

Bike: o principal meio de transporte depois do solado de pé

 

Numa das muitas praças de Lucca

No emocionante museu que retrata da história dos itlianos que descobriram a América. O ponto de vista aqui é a saída da Itália até a chegada em terras americanas. Belo acervo



Escrito por Françoise Terzian às 00h15
[] [envie esta mensagem] []



DE VOLTA DAS FÉRIAS

PARTE 3: PISA/TOSCANA


A cidade e a torre

 

Um dos cartões-postais mais famosos da Itália, a torre de Pisa fica na cidade de mesmo nome. Ela começou a ser construída no século 12 e foi concluída em 1350. Hoje, sua inclinação é de cerca de cinco graus. Ao vivo e em cores, a "queda" é visível, mas não parece tão acentuada. Tudo depende do ponto de observação. Nessa foto a inclinação está bem visível.

Na linda Praça dos Milagres, à espera de um milagre. hehehe

A foto que todo mundo faz e que nem sempre dá certo - meu caso.

A torre e seus detalhes.

A cidade é graciosa e oferece belos cenários além da torre. Uma caminhada até a estação de trem revelou essa (quase) pintura!


Nos próximos posts: Lucca, na Toscana, e Roma e Castel Gandolfo, na região do Lazio.



Escrito por Françoise Terzian às 23h31
[] [envie esta mensagem] []



DE VOLTA DAS FÉRIAS

SEGUNDA PARADA: TOSCANA/ITÁLIA

Dias de dolce far niente em Florença, Pisa e Lucca

 

Neste post, Florença, Firenze (italiano) ou Florentia (latim), mas pode chamar de Capital das Artes!

Santa Maria del Fiore, a suntuosa Duomo. Obra fundamental para a História da Arquitetura mundial, ela levou quase dois séculos para ser construída.

Vista sensacional a partir da Piazzale Michelangelo, que demanda muita perna para subir uma interminável escadaria.



A igreja, toda revestida por mármore verde, rosa e branco.

São três as construções símbolo da cidade: Duomo, Campanile e Battistero.

Foi emocionante encarar todo esse gigantismo assim, cara a cara.


Battistero di San Giovanni (Batistério de São João), um lugar impressionante e com teto magnífico.

As artísticas portas de bronze do Batistério.

O teto do Batistério, todo em mosaico e com várias reproduções bíblicas.

Artistas de rua fazem parte de paisagem de Florença.

O símbolo de Florença.

Bandeira da Itália e de Florença.

Lindas e como diz a placa: "são feitas na Itália e não na China".

Mais artistas ou aspirantes a artistas treinando e pedindo dinheiro.

Palazzo Vecchio, situado na Piazza della Signoria.

Muitas obras de arte na praça.

Uma das muitas réplicas de David, de Michelango, que era florentino.

Uma obra deve ser observada sob todos os ângulos.

Esculturas parecem ter movimento em uma das galerias de Florença.

Galleria degli Uffizi: um banho de arte.

Feliz diante de tanta arte.

Bem pertinho da Ponte Vecchio fica o Palazzo Pitti, um grande palácio renascentista com muitas coleções.

Duomo de papel com chocolate dentro. Lindo presente!

Sorvete: uma das grandes atrações de Florença. O meu predileto tem amarena e zabaione. Uhmmm.

Mas se preferir você pode comer um suspiro, um amaretti ou um panforte.

Quem sabe um marzipan italiano... Lindo, não?

Caneloni siciliano: doce tradicional italiano.

Sonho vanigliato (baunilhado). O cheiro e o gosto de baunilha dos doces italianos são inesquecíveis e imbatíveis.

Há também as sobremesas light, igualmente lindas.


Vai uma pizza margheritta aí?

Melhor ainda se ela for acompanhada de uma taça de vinho tinto.

Ou uma bela insalata...

Sensacional!

Um dos muitos carrinhos que circulam pela Toscana...

... assim como as muitas Vespas.

Tudo isso é justicado pelas ruelas das cidadezinhas da Toscana. Bicicleta também é um ótimo meio de transporte na região.

Ponte Vecchio: datada do século 14, ela atravessa o Rio Arno. Em seus dois lados, os pedestres encontram várias lojinhas de jóias.

Rio Arno, o Sena de Florença

Eu quero uma casinha na Toscana.

Alfa Romeo vestido para o casamento. Como os italianos se casam. Via umas cinco noivas por dia na Itália.

 

Noss próximos posts: parada 3 (Lucca e Pisa, na Toscana), parada 4 (Roma e Castel Gandolfo, região do Lazio).



Escrito por Françoise Terzian às 16h39
[] [envie esta mensagem] []



DE VOLTA DAS FÉRIAS

PRIMEIRA PARADA: ISTAMBUL/TURQUIA

AS BELEZAS, OS SABORES E OS SEGREDOS DA CIDADE CONSTRUÍDA PELOS SULTÕES

A bandeira turca decora toda a cidade. Há milhares delas espalhadas pela enorme Istambul.

Mesquista do bairro de Ortakoy, um dos mais charmosos da cidade. Os turcos calculam que existam por volta de 2,5 mil mesquitas em Istambul.

A belíssima Blue Mosque - na verdade Sultanahmet Camii. O popular nome azul foi atribuído aos seus azulejos obviamente azuis. 

Ayasofia: a mesquita que virou museu. Sua cúpula, um exemplo representativo da arquitetura bizantina, encanta historiadores e turistas.

 

A melhor vista da Blue Mosque é a do terraço do restaurante do hotel Arcadia.

Entrada principal da Ayasofia.

As duas mesquitas - Ayasofia e Blue Mosque - ficam frente a frente. E no meio do caminho um jardim inesquecível.

Não era época de tulipas, a flor originária da Turquia, mas as outras espécies também são lindas.

Foto da Ayasofia a partir da Blue Mosque.

Descalça e com lenço na Blue Mosque, como manda a regra do Islã para mulheres que desejam pisar numa mesquita.

Outro dia, do lado de fora da Blue Mosque. Com os braços de fora e sem véu. Nem ousei tentar entrar.

Por dentro da Ayasofia. Deslumbrante!

Prestes a entrar no Grand Bazaar, o mundo da perdição (das compras).

Lenços de seda, de pashmina, entre tantos outros.

Sapatinhos de Aladin.

Vocação nacional: produzir e vender tapetes. Por sinal, lindíssimos.

A beleza das louças e porcelanas, principalmente as azuis turquesa (de turquoise, de Turquia). 

Pratos de todas as cores e desenhos. Todos pintados a mão.

Essa construção linda foi uma cadeia no passado. Hoje pertence ao confortável Hotel Four Seasons.

O hotel por dentro. Belo jardim e decoração elegante.

Eu dentro do hotel, uma atração turística por conta de seu passado.

Adorei a água com pêssego servida pelo hotel. Água fresca em ambos os sentidos.

 

Pêssegos, nectarinas e damascos são para os turcos o que a banana e a laranja são para nós, brazucas. Lá eu comi os mais saborosos da minha vida.

Quer um doce? Bem-vindo ao país do "turkish delight", doce que é realmente um delírio turco. Eles levam amêndoas, avelãs, suco de uva, de laranja, menta, coco, pistache, entre tantos outros sabores. São imperdíveis e de uma variedade enorme.

Esses doces são de uma estética...

O de chocolate com pistache é sensacional e inédito - pelo menos no Brasil.

Uhmmm...

Kebab doce! UAU!

Pimentas e chás de todos os tipos. Sabores mil no Spice Bazar.

Quer comer uma joaninha de chocolate?

Olha só que doce diferente. E com muito mel.

E por falar em mel, os favos de mel mais lindos que já vi.

A cidade também é muito bem servida de peixes. Ulalá.

Branquinho, macio e muito saboroso. Adorei esse prato super saudável.

Salada turca e seu sabor nada insosso.

Pão folha...

Turca abrindo o pão, uma cena comum na cidade.

Um pequeno e inesquecível banquete no almoço. Comida muito boa.

E para os fãs de pizza como eu, pizza turca com cola turka. Sensacional.

Tudo leva muito gergelim. Amooo!

E para fechar a refeição um autêntico café turco.

Música turca em todos os cantos para entrar no clima.

Imperdível a performance dos Whirling Dervishes (dervishes rodopiantes), que não fazem simplesmente uma dança, mas um ritual para desapego e busca por Deus, entre outras coisas.

Istambul: cidade multicultural. Brasileira, turco, americanos.

A cidade e seus bares e restaurantes charmosos.

 

Repare bem na foto colorida da loja. No canto esquerdo inferior há um gato. Há felinos espalhados por toda Turquia.

Tirando uma soneca na mesquita.

Paz nos parques turcos.

Cisterna: passeio obrigatório!

No barco, indo para o lado asiático.

Chegando ao lado asiático, que é menos atrativo que a faceta européia de Istambul.

Outro passeio de barco, desta vez pelo Bósforo...

Algumas mansões de mais de 3 milhões de euros.

Galata, a torre mais antiga do mundo aberta à visitação.

Vista sensacional do alto da torre.

Palácio Topkapi, um legado de riquezas para o país.

Harém onde viviam as concubinas, os guardas castrados e a mãe do sultão. Nem com todo luxo que existe lá dentro eu viveria enclausruda assim. Legal, mas ao mesmo tempo desesperador.

Conforto de sultão com vista paradisíaca no Topkapi.

Os muitos azulejos azuis do palácio.

Uma muçulmana muito fashion.

Antiga estação onde chegava o trem Orient-Express, que vinha de Paris.

Sonhando em retornar à Turquia...



Escrito por Françoise Terzian às 19h22
[] [envie esta mensagem] []



DE VOLTA EM SETEMBRO

FÉRIAS!

 

Caros leitores,

Estou saindo hoje para as minhas merecidas e desejadas férias. Retorno no dia 17 de setembro, se Deus quiser. Até lá!

 

 



Escrito por Françoise Terzian às 01h19
[] [envie esta mensagem] []



Microblogging

No Twitter


A uma semana das férias, escrever por aqui está complicado. Caracteres demais para tempo de menos. O melhor, nesses dias de correria, é recorrer ao Twitter, o microblogging que permite mensagens de até 140 caracteres. Resisti pra caramba para entrar no Twitter. Achava idiota, agora eu viciei!

Volto a postar por aqui em breve! Enquanto isso, nos vemos no Twitter - http://twitter.com/franterzian



Escrito por Françoise Terzian às 01h12
[] [envie esta mensagem] []



DIVAGAÇÕES

O AMOR NA ERA DA HIPERVELOCIDADE

 

A foto acima eu presenciei ao vivo e em cores (embora a foto esteja em PB) há cerca de dois meses. Passei por esse lugar que fica exatamente no último quarteirão da Avenida Paulista, depois da rua da Consolação, de cara para o finalzinho da Avenida Angélica, em São Paulo, claro. Na hora que vi essa frase pichada achei sensacional. Afinal, no corre corre de São Paulo, quem é que se importa com o amor? Lamentei não ter uma câmera digital ali comigo e passei reto.

Hoje, um amigo que mora em outra cidade me mostrou essa foto, o que eu achei ainda mais sensacional. A forma como a internet nos permite compartilhar tudo com todos em questão de segundos é sensacional. Sim, eu sei que não há motivos para surpresa. Mas eu estou surpresa. Oras bolas, essa cena fica a poucos quarteirões de casa e foi vista por milhões de internautas. A vida que acontece na minha esquina agora é global. O que era irrelevante ou importante apenas para um grupo limitado de pessoas, agora é universal, indispensável, como o amor. Será que o amor, em plena era da hipervelocidade, vai vingar? Não sei, mas agora percebo que uma manifestação (artística ou não) pode dar um stop na vida agitada e fazer a população parar para refletir. Quem sabe assim o amor passe a acontecer com mais frequência.



Escrito por Françoise Terzian às 23h01
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


 
eXTReMe Tracker